quarta-feira, 25 de agosto de 2010

UM ESPÍRITO ADORADOR INCONDICIONAL

Salmo 34:1-10

Jesus revelou que Deus procura adoradores que o adorem em espírito e em verdade, Jo 4:23. Aquele que experimenta a presença de Deus precisa se tornar um verdadeiro adorador, assim como Davi.

a)    Superando circunstâncias, 1-3
A disposição de louvar “em todo o tempo” revela que não importa o que venha a acontecer, seus lábios teriam sempre uma palavra de louvor. Todos são convidados para se aliarem com ele fazendo o mesmo: “engrandecei ao Senhor comigo”. Se tudo está a seu favor louve a Deus, mas se os ventos são contrários, louve do mesmo modo, pois aos retos convém o louvor, Sl 33:11.

b)    Expressando gratidão, 4-7
Seu testemunho é “busquei, clamei” e Ele me respondeu, livrou-me dos temores, salvou-me de todas as angústias. Todo aquele que olhar para Ele será iluminado e se livrará da confusão, pois o anjo do Senhor acampará ao redor daqueles que o temem e lhes dará livramento. E, o apóstolo Paulo exortou a todos a que dessem graças por tudo, pois esta é a vontade de Deus, I Ts 5:18.

c)    Demonstrando total confiança, 8-10
Davi desafia a todos a fazerem prova e verem como o Senhor é bom. E aqueles que confiam e temem a Deus são felizes e têm provisão para suas necessidades, ao contrário do próprio rei da selva, o leão, que muitas vezes não consegue suprimento para seus filhotes. Em Malaquias 3:10, os dizimistas e ofertantes são convidados a comprovarem a poderosa mão de Deus multiplicando as bênçãos sobre suas vidas. Quem confia no Senhor não se abala, Sl 125:1.

Conclusão: Ao verdadeiro adorador não há circunstância que o impeça de expressar sua gratidão e demonstrar total confiança em Deus.

Pastor Wanderley da Silva 
Postar um comentário