segunda-feira, 13 de fevereiro de 2012

A verdadeira fé faz a diferença


A VERDADEIRA FÉ FAZ A DIFERENÇA
Gn 12:1-20

INTRODUÇÃO: Para todos os que creem e servem a Deus Abraão é considerado o pai na fé. A Palavra afirma que Abraão creu em Deus e isso lhe foi imputado como justiça. Portanto devemos aprender com Abraão como se vive pela fé, porque sem fé é impossível agradar a Deus.

TRANSIÇÃO: O texto básico fala-nos de um grande desafio lançado a Abraão, que deveria sair da sua terra, da sua parentela e da casa de seus pais e rumar para o incerto, mas com a garantia de muitas bênçãos – de ti farei uma grande nação; te abençoarei grandemente. Mas para que pudesse ser honrado deu alguns passos que comprovaram a veracidade da sua fé. Vejamos em Abraão o que é uma fé comprovada:

É UMA FÉ QUE SE ARRISCA – Hb 11:8

Abraão sendo rico arriscou tudo indo para o incerto, rumo ao desconhecido. Humanamente falando, ele estava trocando o certo pelo duvidoso. No entanto, a fé que não tem coragem de se arriscar não tem valor algum. Pela fé ele deixou toda a estabilidade que possuía e foi para uma outra terra, simplesmente, baseado numa promessa. Deus é fiel para cumprir suas promessas: "O caminho de Deus é perfeito; a palavra do Senhor é provada; ele é escudo para todos os que nele se refugiam" (Sl 18:30).
Vale a pena arriscar em nome de Deus: "Eis a Rocha! Suas obras são perfeitas, porque todos os seus caminhos são juízo; Deus é fidelidade, e não há nele injustiça; é justo e reto" (Dt 32:4). Fé é crer no que não vemos. E a recompensa desta fé é ver aquilo em que cremos.
Jesus é outro exemplo de alguém que se arriscou, pois sendo rico se fez pobre por amor de nós, sendo Senhor e Rei se tornou servo, deixando seu trono de glória veio ao mundo morrer pregado numa cruz para nos tornar enriquecidos com a sua graça: "pois conheceis a graça de nosso Senhor Jesus Cristo, que, sendo rico, se fez pobre por amor de vós, para que, pela sua pobreza, vos tornásseis ricos" (2 Coríntios 8:9).

É UMA FÉ QUE PERMANECE FIRME EM QUALQUER SITUAÇÃO

Abraão foi testado em muitos pontos da sua vida: o desafio de sair da sua terra, ser pai já com a idade avançada, sacrificar o filho que tanto amava, etc. Uma coisa é certa: se a fé for verdadeira ela permanecerá firme em qualquer situação: "Em ti, pois, confiam os que conhecem o teu nome, porque tu, Senhor, não desamparas os que te buscam" (Salmos 9:10).
Veja o que o salmista declara e faça também dessas palavras seu lema de fé: "Ainda que um exército se acampe contra mim, não se atemorizará o meu coração; e, se estourar contra mim a guerra, ainda assim terei confiança" (Salmos 27:3). Até no meio da adversidade você tem oportunidade! Oportunidade de se levantar em fé, de ser fiel até o final, de não murmurar e Deus vai te honrar. Permanecer na fé é o segredo para se obter as promessas do Senhor mesmo que dure uma vida inteira.

 É UMA FÉ QUE SE ENTREGA SEM MEDO

Quando Deus pediu a Abraão o filho, através do qual haveria de multiplicar a sua descendência, poderia ter gerado uma crise em seu relacionamento, mas Abraão obedeceu, crendo que Ele não falharia em levar a cabo o cumprimento da sua promessa: "Pela fé, Abraão, quando posto à prova, ofereceu Isaque; estava mesmo para sacrificar o seu unigênito aquele que acolheu alegremente as promessas, a quem se tinha dito: Em Isaque será chamada a tua descendência" (Hebreus 11:17-18).
O salmista convida-nos a entregar-nos a Deus sem reservas: "Entrega o teu caminho ao Senhor, confia nele, e o mais ele fará" (Salmos 37:5). Deus jamais será injusto, ou permitirá que as circunstâncias nos impeçam de chegarmos a tomar posse da vitória. O que nos cabe é crermos e sermos firmes nessa entrega a Deus. Ele cuida de seus servos: "lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós" (1 Pedro 5:7).
Nada poderá nos oprimir quando temos uma aliança firme com Jesus, o único e suficiente Salvador, Jo 8.32, 36.

CONCLUSÃO: A fé deve ser algo consciente. Quem tem, sabe que tem. Tiago afirmou que a fé deve ser produtiva, caso contrário, é uma fé morta, que não serve para nada. A vitória que vence o mundo é a nossa fé: crendo que Jesus Cristo é o Filho de Deus e tomando posse da vida, tendo por base esse fundamento sólido. A fé verdadeira nos levará a romper barreiras.
Postar um comentário